quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Saudades!

ALERTA! Esse post está cheio de piadas internas e sentimentalismos! Desculpa aí quem é leitor do blog e não entende lhufas do que eu vou falar agora, mas por aqui é mais fácil do que por email individual...

Ô rapaziele da família, assim vocês matam a doidinha aqui do coração!
Esse exílio voluntário aqui fica difícil desse jeito! Jamais imaginei que esse blog ia se tornar nosso ponto de encontro, nossa fuga da distância geográfica, o QG das Gimenez! Bom demais, hein?!
Adoro ler os recados de vocês por aqui... enchem meu coração com os sentimentos mais lindos, me dá aquele conforto que o chazinho quente não traz. Nem o chocolate branco, nem a cama macia, nem o filme fofo na tv. Obrigada! Guenta aí que tem prá todo mundo!

Marildinha, sinto taaaanta saudade dos dias que eu passei aí... como você disse que sente saudades da minha risada, também sinto da sua! Enquanto você tomava o seu leitinho noturno, a gente proseava. O James dormia e a conversa rolava...hahahha! Muito bom, né? E a linguicinha no feijão???? Hmmmmmmmmm!

Marinita, quantas coisas você já me ensinou nessa vida, hein? Dos artesanatos às crenças, foram muitos papos bons, e mal posso esperar pelos próximos! Sentadinhas vendo a novela, comendo algo, na sua casa ou na minha, na praia ou em Maringá. Sempre somos as mesmas!

Flavinha, ô irmã boa essa minha! Você é demais, tem amor sobrando nesse seu coração! Adoro aquelas nossas conversas, até aquelas quando eu tô bem azeda e você só dá risada! Você me ensina tanto, mesmo sem me dizer nada. Acho que tô ficando parecida com você. E por consequência, estamos as duas ficando parecidas com...

Mamadi! Hahahaha, figuraça, a gente ri tanto pelo telefone, né? Lembra quando eu ficava pendurada do lado do teu computador, só hablando, hablando, hablando sem parar, e vc só mexia a cabeça, concordando, nem falava nada. E eu continuava hablando, naquele monólogo engraçado (porque muitas vezes você só ria!). E aí de repente você soltava uma frase que resumia tudo que eu fiquei falando aquele tempão! Hahahaha! E as suas idéias mirabolantes me matam de tanto rir! Por isso que cada vez mais eu me pergunto: o que a minha mãe faria nessa situação? E a partir daí, tomo as minhas decisões!

Luana! Acho que você é uma das pessoas mais parecidas comigo que eu conheço. Se não é parecida, ao menos me entende. Entende todas as minhas doidices, ri de todos os absurdos, tira sarro de mim e eu aaaamooooooo! As cenas do mercado até hoje me fazem rir sozinha, primaaaa! Você é a doçura em forma de pessoa!

, você lê esse blog??? Prima, você tem o sono mais gostoso que eu já vi! Quando eu deito e não consigo dormir de jeito nenhum, eu penso: como a Cá consegue hein???? Cazinha, adoro quando você fala: Tati, vou te levar num lugar mára! Lá tem um ____ (complete com algo comestível) divino! Hahahahahaha! Adoro pegar carona na sua motinho, e ir conversando pelo caminho, e te fazer passar vergonha, só prá escutar você rindo depois!

Letícia, Fernando e Naná: tesourinhos, tudo que eu sinto por vocês, as palavras não traduzem. Só muito beijo estalado, abraço apertado, e risada gostosa prá explicar!


Observem que todos os recados envolvem conversas e risadas. Tempos bons que nos envolvem e que voltam sempre!

21 comentários:

Anônimo disse...

Tatinha queriderrima....hj vc me faz chorar, a saudade aumentou mais um bocado, que saudade mesmo daqueles dias que vc e tua mamadi passaram aqui....coisa boa....eu tenho muita saudade de coisa passadas, nem sei se isso é tão normal....sei que hj to com saudade de tudo e todos. Agora vou me deitar e sonhar com todos. Fique com Deus amoreco. Milhões de beijos. Tia Marildinha.

Anônimo disse...

Viche eu chorei também , menina tu nem reclamou dos cigarrinhos...kkkkkkk.
Adorei tudo, mas senti falta de alguém que não sei quem é mas sempre a procuro aqui para ver que ela escreveu a NADJA, que não tem sangue dos GIMENEZ, mas adoro ela só por ler seus comentarios.Afinal quem é NADJA?

Beijos, continuo perdendo sono nas madrugadas que horror.

Te amo minha princesa DO C- S----

Anônimo disse...

Ai gente, como é q mantém o make no trabalho depois disso?
Tatibitati, vc acabou com o meu glamour! Borrou tudo...
Q post mais lindo de todos os tempos!!!
Tem amor extrapolando pela tela do computador!
AMEI!!!
Agora não me venha dizer q tá ficando parecida comigo prá usar aquela minha explicação: É TUDO CULPA DA GENÉTICA!!!
Pq tem umas coisas q só a genética explica esmo, né?
Como é q vc pode recriminar certos comportamentos de uma pessoa e de repente tá lá vc, fazendo EXATAMENTE IGUAL!
Pergunto eu: tem lógica isso?
Mamadi, isso é sobre vc! Aliás, q lástima vc não falar dos cigarrinhos, hein Tati?
Por isso eu te disse irmã, q não sei se é adequado eu entrar no site de troquinhas, pode ser q eu perca o prazo e tal... vc sabe q a proteladora q mora dentro de mim é terrível!
Ela e a gorda competem tentando me dominar, mas eu brigo com elas, resisto firmemente!
Mas eu dou a maior força pra troquinha aqui do bloguinho, tá?
Nossa, nem sei se eu mesma consegui acompanhar minha linha de raciocínio aqui, q dirá quem está lendo, mas enfim...
O caso é q é uma maravilha essa coisa da gente enxergar o lado bom das coisas, né?
Como vc disse Creuza, olha só a enxurrada de amor em palavras q o exílio voluntário tem te trazido, né?
É isso aí, se a vida te dá um limão, faz uma limonada, de prefência bem geladinha e deliciosa numa tarde quente, né tia Tati?
Vou ler pros pequenininhos, tá? Sei q eles irão amar!
Nadja, cadê vc? Tb quero saber o q mamadi perguntou!
Beijos a todos e todas
Amo muuuuuito

Flavia

Nadja Barros disse...

Gentemmmm...eu cheho aqui, toda seelepe e vou dar uma geral na blogolândia, paro no "Pesointos" nosso de cada dia....achei lindo, muito apropriado, afinal é um blog pessoal e que eu agradeço muito por estar aberto ao respeitável público e...os comentários da irmã e da mãe...lindos, tudo assim, tãããão família...senti que estava sendo até xereta...mas daí querem saber de mim? gente...eu vou contat tá? fiquei emocionada tb! aquele sorriso bobinho, q a gente fica na cara, feliz pq alguém te dedicou sentimentos bons, tanto qto os que li aqui nesta família linda!
Perái, vou pegar o pequenininho na escola, dar almoço e colocar pra dormir, depois de 2 ou 3 estorinhas (que eu tenho q repetir tudinho, milimetricamente, sem alterar nadinha" tododia e daí volto aqui, com calma e faço um comentário gigante como este e conto tudo, quem sou e a que vim....rssss bjs pra Mamadi, pra Tia marildinha e pra Flávia....a prova viva do amor puro na net! :)

Anônimo disse...

Coisa bem boa,a Nadja vai se revelar, quero saber tudo até já procurei no google, queria saber quem é a simpatia...( curiosidade mata)
Estou esperando o proximo post dela, tomará que o pequeno durma logo.Que quando eu voltar do trabalho a tarde esteja tudim aqui.
Esse agora pro cê Nadja
beijos .

Nadja Barros disse...

Oi! Ói eu! Parece q o sapeca sabe q eu quero ele nanando logo e, adivinha: não dormiu!!!!!!!!

Mamadi, foi vc que escreveu aqui acima?

Sabe o que me fez chegar aqui? A fotinha da Tati, num comentário, já não sei em qual lugar da blogolândia! Amei o corte do cabelo dela, que depois descobri que, palavras dela, foi feito num salão-pomba - rsssssssssssssssssssssss - mas que eu amei de paixão e até cortei pareciiido, pq o meu não é esse liso lindo natural lavou tá pronta pra viver - rssssss - daí fui acompanhando o desenrolar das coisas, as dicas de filmes, as "maquiági" fofas, as receitinhas (já fiz a lasanha com leite, essa dica foi ótima!!! Acompanhei com boas risadas a tragicmédia da geladeira q foi e voltou do além!!! Enfim, um dia tomei coragem e comentei!!! Daí naõ paro mais...só se ela me expulsar daqui, que eu sou uma visita entrona e já tô sentada, com as pernas no pufe! rsssssss
Falando sério, Mamadi, rolou uma identificação com a Tati, pq tb já fui bancária, já morei só em ap. pequeno e dei meus toques pessoais e possíveis na época, já fiquei distante do namorado (hoje estou casada...portanto, tati, tenha fééééé, o dia chegará!!! rssss), tb falo com minha mãe pela net, pois moramos beeeeeeeeeem distantes hoje(ela no acre - terra queeeente tb - e eu em Salvador) e, acredite, até hoje ela ainda me manda caixas com tudo, tudo q vc possa imaginar....presentinhos, pipoqueira, sapatos pros meninos (tenho 2!), edredom (!!!!!!), acredite!!!!!!....que ela compra na bolívia (tem umas muambas booooooas lá!)...coisa de mãe, né?
Então é isso, sou mãe e estou do lar quase em tempo integral. Dispensei uma babá-faz tudo que estava comigo a alguns anos e não encontrei ninguem até hoje. Foi quando pensei: cuido eu dos meus meninos (3 e 8 anos)!!!!!
Nas hora vagas, fico aqui na net, na maquina de costura ( tô com 2 calças ali na cadeira pra fazer barra), bato bolinho com o pequenininho, de noite sou professora-faz-lição-com-o-mais-velho!
Adoro costura, bordadinhos, crochê, embora não faça com muito primor, mas é de coração sempre! O nominho "pespontos" tb tocou meu ser - rsssss - e por isso volto aqui sempre!
Tati, obrigada pelo cantinho acolhedor! Adoro gente sincera, gente boa, gente normal, gente que é gente, gente que faz!!!
Mamadi, deu pra ter uma idéia, né?
A gente se fala mais e sempre, combinado?
Agora eu vou indo, q o menininho tá na janela, molhando as pessoas lá embaixo com a pistola de água...é mole? ;)

Tati, bjssss pra vc e pra sua Mamadi! :)

Nadja Barros disse...

p.s. Mamadi, o que vc encontrou nessa "googlada'? rsssssssssssssssss
digita "Nadja Barros Salvador"....acabei de testar, é não é que deu euzinha por lá (!!!!)
Essa net é o que há, hein? ;)

Anônimo disse...

Nossa, não aguentei estou no PC aqui da escola, doida de curiosiosa kkkk. Nadja fui eu sim (mamadi) que escreveu ali em cima, menina adorei, saber de vc em moro no Paraná ladinho do Paraguai, quiser vir aqui pode avisar que te recebo.Depois comento mais beijos tá vc muito linda.

Tatinhalindinha, brigado por emprestar esse espaço aqui viu flor!

Anônimo disse...

Gente, isso aí tá um babado só!
Cada vez q agente vem dar uma espiadinha tem coisa nova, q delícia!
eu tenho certeza q a dona da casa vai amar ver isso qdo voltar, né Tatinha?
Beijos galera!
E vamos correr q o dia passa...
Flavia

Nadja Barros disse...

Flávia, mamadi, galerinha, vambora, corre, pega o espanador, a vassoura, o rodo e agua com desinfetante bem cheiroso...vamos botar ordem na casa e deixar tudo brilhando...só agora me toquei que a dona da casa saiu, deixou a chave embaixo do capacho, todo mundo entrou, sentou, mexeu nas gavetas, fez cafezinho, alguém trouxe um bolinho quente de milho?... rssssssssss...e qdo chegar vai querer encontrar tudo no seu devido lugar! rsssssssss
Deixa só ela chegar e ver essa festeeenha!!!!...bjs colegas!

Anônimo disse...

Tati ....com permisso. Nadja obrigada pelo beijo, pra vc tbem linda. Tbem ja tive tres cças pequenas ao mesmo tempo e sei que a correria é gde,hoje já cresceram, mas fica muita saudade.Beijos, pra vc tbrm Tatinha e pra todos que por aqui passarem. Fiquem com Deus, tia Marildinha.

Nadja disse...

Tia marildinha, obrigada pelo beijinho tb!
tomei a liberdade, pq tenho uma grande amiga, que mora em Manaus, cuja mãe, que infelizmente já não está mais entre nós, tb se chamava Marilda...e eu a chamava de tia marilda! Um amor de pessoa, eu a considerava muito e tenho muitas saudades!! Daí meu carinho a vc tb!
bjs

..:: Tati ::.. disse...

Opa, cheguei em tempo prá festa??? Que legal gentem, esse papo rolando solto aqui! Qdo eu li "12 comentários" fiquei doida, tô lendo e rindo aqui, vocês são demaaais!
Nadja, você é das nossas hein amiga!!! Gente que faz, borda e tricota e bate bolo, e corre pegar criança no banho, dá uma olhadinha na internet e vai fazer a janta, opa, a novela começou! Hahahaha!
Fiquem sempre à vontade aqui, meus amores, o espaço aqui já não é mais só meu! Obrigada por todos os comentários, amo vocês!

marinita disse...

Meu Deus! Hoje tirei o dia para chorar. Agora mais ainda lendo seu blog e sendo citada....Realmente sobrinha linda, esse blog virou espaço de mais união familiar. Você se deu conta da sua importancia nessa familia? Até lembrei de minha mãe me chamando de Maria Madalena arrependida ou manteiga derretida. Mulheres amadas, mulheres que não precisam se esconder atrás das calças de um homem, mulheres ousadas e parceiras e em especial mães dedicadas e com um coração cheiro de amor para dar. A exemplo de minha mãe as gerações seguem com coração limpo e com vontade de viver a cada dia melhores dias! Te amo e te agradeço por fazer parte da minha vida Tatinha. Em tempo..amo todos, meus irmãos, meus cu e minhas cu, meus sobrinhos e sobrinhas meus sobrinhos e sobrinhas netas....e os agregados também! Vale para Nadja! Amo você meu grandioso Deus, por er me permitido ter essa familia!

Anônimo disse...

Que choradeira, eu agora estou é rindo, cruzes que mulheres frágeis.
Sorriam agora, Marina bora pra Salvador marcar um blogencontro com a Nadja, quem + quer ir só falar.
Risos amo vcs minhas lindas.
Mamadi.

Anônimo disse...

Tatinha, somos parecidas mesmo né? E adoro ser parecida com você prima, te achoo taaaaan legal. E quanto as cenas do mercado, ri sozinha aqui também, quando li seu post. HAHAHHA
Estou morrendo de saudades viu!!

beijoooo amore

lu

Anônimo disse...

Oh, q cena do mercado é essa?
Queremos rir tb, contem pra nós meninas!

Besos
Flavia

marinita disse...

OLHA GENTE BLOGUEI MESMO! NÃO CONSIGO PASSAR 10 VEZES PELO COMPUTER E NÃO OLHAR..ARE BABA!

Anônimo disse...

ow ow ow...
eu vejo esse blog sim...
eh claro que qdo chego e so da esmalte...logo penso... como gosta de esmate hein!?!!?!

...... mas entro...

so pra ver... que vc esta bem...
q mesmo longe.. continua gostando de esmaltes!!! ahaahahh
pra ver q.. as coisas estao dando certo pra vc........ e torço ...
nao pra que fique rica...
mas q continue sendo esta jovem mulher cheia de alegria e de vida.. que nos faz sentir bem!!!
vc.... eh uma das melhores companhias que alguem pode querer...
hum... vc esta sempre no meu coração e nas minhas oraçoes!!!


bjinhus
amo-te sempre!
Camila!!!!

..:: Tati ::.. disse...

Hahahaha, a cena do mercado foi óóótema! Mas só conto pessoalmente, porque é um tanto vexatória! Cazinha, que recado lindo, você é demais, prima!
Bjoquitas!

..:: Tati ::.. disse...

Hahahaha, a cena do mercado foi óóótema! Mas só conto pessoalmente, porque é um tanto vexatória! Cazinha, que recado lindo, você é demais, prima!
Bjoquitas!